Europa sobe com China e leilão da Espanha

As bolsas de valores da Europa fecharam em alta ontem, impulsionadas por um dado positivo sobre a atividade industrial na China e por um leilão bem-sucedido de bônus soberanos da Espanha. Outro fator a animar os investidores foi a expectativa de acordo para a liberação da ajuda à Grécia. O comissário de Assuntos Econômicos da União Europeia, Olli Rehn, disse não haver motivo para que não seja fechado um acordo na segunda-feira. Com isso a Bolsa de Atenas subiu 2% e fechou no maior nível em um mês. Paris avançou 0,6% e Milão ganhou 1%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.