Evo garante manutenção de contratos com italianos

O presidente boliviano, Evo Morales, se reuniu neste domingo, 4, inesperadamente com autoridades do governo da Itália para debater políticas de cooperação internacional e segurança jurídica para investidores estrangeiros na Bolívia.De Roma, o porta-voz presidencial Alex Contreras, que acompanha Morales em sua viagem ao Japão, disse ao canal estatal boliviano que a delegação aproveitou uma escala da viagem para se reunir com altos representantes da Itália, cujos nomes e cargos não divulgou, e para visitar a Basílica de São Pedro.Segundo Contreras, o presidente e sua comitiva foram recebidos "muito bem" e obtiveram "um importante apoio do Governo italiano" para a realização do encontro, que não estava nos planos da viagem. O porta-voz disse que Morales conversou com os funcionários italianos sobre as políticas implementadas na Bolívia para a cooperação e para as doações internacionais dentro da chamada "diplomacia dos povos" que o chefe de Estado boliviano promove.Contreras acrescentou que também foram discutidos a segurança jurídica aos investimentos estrangeiros na Bolívia e o caso da companhia Entel, a maior telefônica do país, na qual a italiana Telecom tem 50% de participação."Confirmamos que existe segurança jurídica para todos os investimentos estrangeiros, mas também está sendo requisitada uma nova forma de diplomacia, inspirada na diplomacia dos povos", ressaltou Contreras.Em janeiro, Morales admitiu que há um "debate profundo" entre os advogados do governo para nacionalizar a Entel, companhia transferida na década passada à também italiana Stet, que depois vendeu suas ações à Telecom.Morales já nacionalizou o setor de hidrocarbonetos em 2006 e, em fevereiro, um complexo metalúrgico suíço.O chefe de Estado boliviano deixou o país no sábado com destino a Tóquio, onde na segunda-feira deve iniciar uma visita oficial de quatro dias que inclui um encontro com o imperador Akihito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.