finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Ex-banqueiro diz à Justiça que tela de Basquiat era dele

A Justiça Federal confirmou que Hannibal, pintura assinada pelo artista pop americano Jean-Michel Basquiat (1960-1988), faz parte do acervo do ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira, condenado a 21 anos de prisão por suposta gestão fraudulenta do Banco Santos, do qual foi controlador.Os autos do processo contra Edemar registram, entre as folhas 3.044 e 3.055, a lista das 25 obras mais valiosas da coleção do ex-banqueiro dadas como desaparecidas. As informações sobre as peças, suas características e autores constam do CD Cid Collection, no qual o próprio ex-banqueiro teria estimado os valores de venda.Na folha 3.051 consta a descrição do quadro que Edmar, segundo a Justiça, avaliou em US$ 825 mil. A obra é alvo de investigação do FBI, a polícia federal dos Estados Unidos, desde que a Justiça brasileira incluiu Hannibal e as outras peças na lista de alerta vermelho da Interpol (Polícia Internacional). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.