Ex-diretor do BC deve ir para o BTG Pactual

O Banco Central (BC) informou nesta segunda-feira que está avaliando o pedido para que Alvir Hoffmann possa tornar-se membro do Comitê de Auditoria do banco BTG Pactual.

Reuters

20 de agosto de 2012 | 17h31

Hoffmann fez carreira desde 1978 no BC, de onde se aposentou em março do ano passado, como diretor de Fiscalização. Nesse cargo, sua diretoria foi responsável por tornar pública a intervenção no Banco Panamericano, em novembro de 2010, depois de detectar uma fraude de 2,5 bilhões de reais.

Mais tarde, descobriu-se que o rombo era ainda maior, de cerca de quatro bilhões de reais, pouco antes de o controle do Panamericano ser vendido para o BTG Pactual, do banqueiro André Esteves, em janeiro de 2011.

No comunicado, o BC informou que eventuais objeções à declaração desta segunda-feira devem ser comunicadas diretamente à própria autoridade monetária no prazo de quinze dias.

(Por Aluisio Alves)

Tudo o que sabemos sobre:
BANCOSALVIRBTG*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.