finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Ex-ministro da Fazenda Karlos Rischbieter morre no PR

Ele comandou a pasta entre março de 1979 e janeiro de 1980, no governo de Figueiredo; Estado decretou luto oficial 

Ayr Aliski e Márcio Rodrigues, Agência Estado

17 de outubro de 2013 | 21h29

O ex-ministro da Fazenda Karlos Heinz Rischbieter morreu nesta quinta-feira, 17, em Curitiba. Ele tinha 85 anos e estava internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Santa Cruz, na capital paranaense. Sofria de enfisema pulmonar.

Natural de Blumenau (SC), Rischbieter deixa mulher, dois filhos e netos. O velório será a partir das 8 horas desta sexta-feira, 18, na Capela Vaticano, em Curitiba, e o corpo deverá ser cremado.

O governador paranaense, Beto Richa (PSDB), lamentou a morte do ex-ministro e decretou luto oficial no Estado por três dias. "Rischbieter foi um dos homens públicos mais importantes na recente história do Paraná. Deixa um legado imensurável pela sua clareza intelectual e contribuiu de forma marcante em várias áreas de atuação. Uma perda irreparável ao Paraná e ao Brasil", disse Richa, em nota publicada na Agência de Notícias do Paraná.

Rischbieter era engenheiro civil. Foi ministro da Fazenda entre março de 1979 e janeiro de 1980, no governo de João Figueiredo.

Tudo o que sabemos sobre:
Karlos Heinz Rischbietermorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.