Ex-vice-presidente da Fiesp é preso no interior de SP

O empresário Carlos Roberto Liboni, ex-vice presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), está preso no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Ribeirão Preto. Ele e um dos sócios, Edson Benelli, se apresentaram na sexta-feira à Polícia Federal. Liboni e outros cinco sócios da Smar Equipamentos Industriais, de Sertãozinho, são acusados de sonegação de impostos no valor de R$ 250 milhões. A Justiça Federal determinou a prisão preventiva dos empresários em dezembro de 2003. O advogado dos dois empresários, Alberto Zacarias Toron, afirmou que ainda não solicitou habeas corpus porque aguarda uma sentença da Justiça. Também tiveram prisão preventiva decretadas os empresários Paulo Saturnino Lorenzato, Edmundo Rocha Gorini, Mauro Sanchiado e Gilmar Matos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.