Execução hipotecária cresce 8% em janeiro nos EUA

Os pedidos de execução hipotecária nos Estados Unidos aumentaram 57% no mês de janeiro, na comparação com janeiro de 2007, e subiram 8% ante dezembro do ano passado, segundo informou a RealtyTrac. Houve 233.001 pedidos em janeiro, em relação a 148.425 em janeiro de 2007 e 215.749 em dezembro.Segundo o diretor-executivo da RealtyTrac, James Saccacio, os dados de janeiro mostram que a execução hipotecária continua em alta. No entanto, o aumento mensal de 8%, abaixo do salto de 19% visto no mesmo período do ano passado, também pode indicar que "alguns dos esforços por parte dos credores e do governo - ambos em nível estadual e federal - estão começando a surtir efeito". A "grande questão", disse Saccacio, é "se estes esforços estão ajudando verdadeiramente os proprietários de imóveis a evitar a execução no curto prazo ou se eles estão apenas adiando temporariamente o inevitável para vários mutuários em dificuldade".Já a retomada de imóveis por bancos cresceu 90% em janeiro, ante o mesmo mês do ano anterior, para um total de 45.327 processos, depois que muitos mutuários não conseguiram cumprir os pagamentos de suas hipotecas de taxas ajustáveis. As informações são de agências internacionais.

CAROLINA RUHMAN, Agencia Estado

26 de fevereiro de 2008 | 08h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.