Executivo da Peugeot nega fusão com Opel

A PSA Peugeot Citroën descartou uma fusão com a unidade europeia da General Motors Opel como resultado da aliança que os dois grupos firmaram em fevereiro deste ano. "Isso nunca foi uma questão durante as discussões", disse, ontem à publicação Autogazette, Olivier Dardart, diretor das operações alemãs da montadora francesa. "O ponto (da aliança) não é reduzir pessoal."

O Estado de S.Paulo

25 de dezembro de 2012 | 02h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.