Exploração de petróleo estimula e-business no Brasil

O mercado de e-business deve crescer no País com a entrada de novos investidores nos blocos de exploração de petróleo leiloados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) e, principalmente, após a descoberta de petróleo anunciada pela Petrobrás na Bacia de Campos, disse, em entrevista coletiva, o CEO (principal executivo) da norte-americana Halliburton, Edgar Ortiz. Segundo ele, os novos investidores no País deverão buscar, nas soluções de informática, formas de minimizar seus riscos nas perfurações de novos poços. "Antigamente, os dados obtidos em um campo de petróleo eram acompanhados à distância pelos especialistas, mas hoje já temos este acompanhamento em tempo real, e os especialistas podem interferir diretamente na exploração", comentou. A IBM projeta crescimento neste mercado no País. A empresa já fatura com e-business, na área de petróleo, US$ 1 bilhão no mundo. O desenvolvimento de técnicas para o Brasil, disse o gerente geral da empresa, Eric Leon, envolve maior complexidade devido à localização dos campos, a maioria em águas ultraprofundas. "Mas a exploração nestas regiões são as que mais tendem a crescer", disse, durante entrevista no 17º Congresso Mundial do Petróleo, que termina amanhã no Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.