Exportação cresce 32,8% em junho ante igual período de 2002

As exportações brasileiras nas duas primeiras semanas desse mês apresentam um crescimento de 32,8% em relação a junho do ano passado. Já as importações nesse mesmo período comparativo recuaram 1,6%. Dados divulgados hoje pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior mostram que as exportações nas duas primeiras semanas do mês apresentam uma queda de 10,7% em relação a maio, enquanto as importações registraram no período um decréscimo de 9,2%. As exportações acumuladas no ano até a segunda semana de junho registram um crescimento de 31,3%, enquanto as importações agora já apresentam uma expansão de 0,5%.Saldo acumulado é recorde O saldo da balança comercial acumulado no ano até as duas primeiras semanas de junho bateu a marca de US$ 9 bilhões, atingindo o valor de US$ 9,082 bilhões no acumulado do ano. No mesmo período do ano passado, o superávit comercial era de US$ 1,986 bilhão. Segundo dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, as exportações totalizaram de janeiro até a segunda semana de junho, US$ 29,837 bilhões. Já as importações nesse mesmo período atingiram US$ 20,755 bilhões. O saldo acumulado do ano já representa mais da metade da nova previsão de superávit comercial, divulgada pelo Banco Central, de US$ 17,5 bilhões para 2003. Na estimativa anterior, o BC esperava um superávit de US$ 16 bilhões este ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.