Exportação de café verde do Brasil no acumulado de setembro soma 1,8 mi sacas

finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Exportação de café verde do Brasil no acumulado de setembro soma 1,8 mi sacas

Os embarques apresentam um crescimento pela média diária ante setembro de 2013 (117,2 mil sacas), mas um recuo na comparação com agosto (128,1 mil sacas)

REUTERS

22 de setembro de 2014 | 17h51

As exportações de café verde do Brasil até a terceira semana de setembro somaram 1,8 milhão de sacas de 60 kg, com uma média diária de embarques de 121,2 mil sacas, informou a Secretaria de Comércio Exterior (Secex) nesta segunda-feira.

Os embarques apresentam um crescimento pela média diária ante setembro de 2013 (117,2 mil sacas), mas um recuo na comparação com agosto (128,1 mil sacas).

O Brasil, maior produtor e exportador global, está finalizando a colheita de uma safra afetada por uma severa seca e altas temperaturas, no início do ano.

A produção deverá somar 45,1 milhões de sacas este ano, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), 4 milhões de sacas abaixo do total de 2013.

A safra de 2014 deveria ter um potencial bem maior, uma vez que seria de alta no ciclo bianual de produtividade das plantações de café arábica.

A quebra de safra no Brasil elevou os preços globais.

A média da cotação do produto exportado no acumulado do mês até a terceira semana de setembro está em 200,40 dólares por saca, alta de 38 por cento na comparação com setembro de 2013, segundo a Secex.

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSCAFEEXPORTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.