Exportações de couro crescem 21% até setembro

As exportações de couro cresceram 21% entre janeiro e setembro de 2007, em relação ao mesmo período do ano passado, totalizando US$ 1,62 bilhão. Na avaliação do diretor-executivo do Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB), Luiz Bittencourt, o crescimento reflete a diversificação das vendas externas.As vendas de couro para exterior superaram os embarques de calçados, que totalizaram US$ 1,44 bilhão no período, e correspondem a cerca da metade das vendas externas de carne bovina (US$ 3,29 bilhões). Segundo a entidade, aproximadamente 60% da produção é destinada aos setores automotivo e moveleiro, sendo o restante direcionado aos segmentos de artefatos, vestuário e calçados.No acumulado do ano, os principais destinos do couro brasileiro são Itália (27,21%), China (23,35%) e Hong Kong (11,32%). Em relação à produção, São Paulo lidera com participação de 35%, seguido de Rio Grande do Sul (24%) e Paraná (6,33%).

RODRIGO PETRY, Agencia Estado

18 de outubro de 2007 | 19h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.