Exportações de máquinas crescem 30,3% até agosto

As exportações de máquinas e equipamentos cresceram 30,3% de janeiro a agosto, totalizando US$ 3,05 bilhões, segundo dados divulgados pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Em 12 meses as vendas externas somaram US$ 4,41 bilhões, nível mais alto da história do setor. Agosto foi o quarto mês consecutivo em que as vendas ultrapassaram 30% de aumento em relação ao mesmo período do ano passado. Nas importações de janeiro a agosto houve queda de 14,9% na comparação com igual período de 2002. O déficit da balança comercial setorial recuou 67,22%, caindo de US$ 2 bilhões em 2002 para US$ 663,14 milhões no acumulado de 2003.O faturamento total da indústria de máquinas e equipamentos no ano cresceu 4,53% até agosto para R$ 22,5 bilhões. Em relação ao nível de empregos, agosto verificou um aumento de 256 vagas sobre julho. O nível de capacidade instalada, no entanto, recuou de 77,8% em agosto de 2002 para 77,1% em agosto deste ano. Segundo o presidente da entidade, Luiz Carlos Delben Leite, o mercado interno continua desaquecido, mas o esforço do fabricante brasileiro na busca pelo mercado externo e pelo aumento da competitividade contribuíram para o desempenho positivo nos oito primeiros meses do ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.