Exxon afirma que subsidiárias cumprem leis da Nigéria

A petrolífera norte-americana ExxonMobil afirmou hoje que suas subsidiárias localizadas na Nigéria cumprem todas as leis e regulamentações da país africano e pagaram taxas e royalties ao governo de acordo com essas regras. A declaração é uma resposta à ordem do presidente nigeriano, Umaru Yar''Adua, para que a estatal petrolífera Nigerian National Petroleum (NNPC) tome medidas imediatas para recuperar US$ 1,9 bilhão da petroleira anglo-holandesa Royal Dutch Shell e da Exxon.Yemi Fakayejo, relações públicas da Mobil Producing Nigeria Unlimited (MPN, uma subsidiária da Exxon), disse que "as afiliadas têm discussões rotineiras com várias agências do governo sobre diversos assuntos, inclusive taxas". Fakayejo não informou se a Esso Exploration and Production Nigeria (EEPNL) deve dinheiro ao governo, argumentando que a companhia não comenta sobre discussões em andamento.A Shell se negou a comentar o assunto. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.