Exxon Mobil lucra US$ 10,8 milhões a mais em 2005

A corporação petrolífera Exxon Mobil, a maior do mundo em valor de mercado, informou hoje que seu lucro aumento em US$ 10,8 milhões de 2004 para 2005. No ano passado, o lucro foi de US$ 36,13 bilhões, ou de US$ 5,71 por ação. Já em 2004, o montante ficou em US$ 25,33 bilhões, o que representou US$ 3,89 por título. As receitas anuais subiram para US$ 371 bilhões, frente aos US$ 296 bilhões do exercício de 2004.Segundo a empresa, os elevados preços do petróleo e do gás natural no ano passado, assim como as maiores margens de lucro em produtos refinados e outras atividades comerciais contribuíram para os resultados favoráveis. "Nossos sólidos resultados financeiros continuarão nos permitindo fazer investimentos significativos e de longo prazo para contribuir para atender as necessidades energéticas a nível mundial", destacou Rex Tillerson, presidente da empresa, em comunicado. Quarto trimestreA Exxon também informou que obteve um aumento de 27% em seu lucro líquido no último trimestre, montante equivalente a US$ 10,71 bilhões - o que representa US$ 1,71 por ação. No mesmo período de 2004, este resultado estava em 8,42 bilhões - o que barateou cada título em US$ 0,41 (US$ 1,30).Excluindo-se despesas extraordinárias, os lucros foram de US$ 10,32 bilhões (US$ 1,65 por título). O resultado ficou acima das estimativas de US$ 1,44 previstos pelos analistas consultados pela firma Thomson Financial. A receita total no trimestre cresceu para US$ 99,66 bilhões, frente aos US$ 83,37 bilhões de 2004.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.