Famílias pobres recebem lâmpadas econômicas

A Eletropaulo inicia, no próximo dia 25, a distribuição de 1,6 milhão de lâmpadas fluorescentes compactas para 500 mil famílias de baixa renda. Essas lâmpadas apresentam uma redução de consumo de 75%. A empresa também distribuirá outras 100 mil lâmpadas para 2 mil entidades filantrópicas e 12 mil para funcionários da própria companhia. O programa é feito por uma parceria entre a Philips, que está importando as lâmpadas, e o Grupo Pão de Açúcar, que instalou postos de distribuição em 35 lojas das redes Barateiro e Extra.A expectativa do presidente da AES Brasil (empresa controladora da Eletropaulo), Luiz David Travesso, é de que as lâmpadas resultem em uma economia de 0,5% do consumo na área da Eletropaulo, o que pouparia investimentos para a construção de uma usina geradora com capacidade para produzir 40 MW.Somente consumidores cadastrados pela Eletropaulo receberão as lâmpadas. O cadastro será feito com base no nível de consumo (máximo de 200 kWh por mês) e no padrão social dos consumidores. As pessoas que entrarem na lista serão notificadas por meio de um aviso com código de barras. Este aviso deverá ser apresentado no local de distribuição, junto com os comprovantes de pagamento das últimas duas contas, dando direito a três lâmpadas por consumidor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.