Faturamento da indústria de máquinas cai 38,6% em janeiro

Exportações do setor encerraram o mês em US$ 677,25 milhões, com retração de 34,9% sobre dezembro

Anne Warth, da Agência Estado,

19 de fevereiro de 2009 | 13h51

A indústria brasileira de bens de capital (máquinas) registrou recuo de 38,6% no faturamento em janeiro em relação ao mês de dezembro. Na comparação com janeiro de 2008, a receita totalizou R$ 3,82 bilhões, o que representa queda real de 34,7%, segundo dados divulgados nesta quinta-feira, 19, pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Veja também:De olho nos sintomas da crise econômica Dicionário da crise Lições de 29Como o mundo reage à crise  Todos os segmentos que compõem a entidade registraram queda no faturamento bruto real, exceto a indústria de válvulas, que verificou alta de 17,5% ante dezembro. As exportações de máquinas e equipamentos encerraram o mês de janeiro em US$ 677,25 milhões, com retração de 34,9% na comparação com dezembro e de 23,6% ante janeiro de 2008. As importações também caíram. O resultado foi de US$ 1,73 bilhão, com diminuição de 2,3% ante dezembro e de 2,4% em relação a janeiro de 2008. O saldo da balança comercial de bens de capital em janeiro, desta forma, permaneceu negativo, em US$ 1,048 bilhão, resultado 18,8% maior que o déficit de janeiro de 2008 (US$ 882,2 milhões). O consumo aparente de máquinas e equipamentos, dado que significa a produção mais a importação menos a exportação, ficou em R$ 6,2 bilhões, recuo de 21,6% ante dezembro e de 11,1% na comparação com janeiro de 2008. Os pedidos em carteira também diminuíram no mês passado, 4,8% ante janeiro de 2008. Na primeira quinzena de janeiro de 2009, a queda foi de 35% sobre o resultado do mês fechado de dezembro. O nível de emprego no setor caiu 0,2% em janeiro ante dezembro, o equivalente a 393 demissões. Segundo a Abimaq, desde outubro, a indústria de máquinas e equipamentos já demitiu 7,8 mil trabalhadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.