Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Faturamento da Zona Franca de Manaus supera meta

O faturamento das empresas do pólo industrial de Manaus, segundo balanço divulgado nesta terça pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), foi de US$ 17,28 bilhões (R$ 41, 94 bilhões) até novembro deste ano, superando a meta de US$ 16 bilhões previstas para 2005. Em comparação com o mesmo período do ano, de janeiro a novembro de 2004, o faturamento (em dólar) cresceu cerca de 29%.Segundo a superintendente da Suframa, Flávia Grosso, o crescimento foi puxado pelas vendas no setor de eletroeletrônicos e bens de informática, que faturou US$ 9,81 bilhões até novembro deste ano. Em seguida vem o setor de duas rodas, com faturamento de US$ 2,89 bilhões e o químico que faturou US$ 1,42 bilhão. "Com a produção de dezembro, os números devem crescer", destacou.Para o coordenador de estudos econômicos da Suframa, José Alberto Costa Machado, o faturamento e a crescente produção podem ser explicados com a recuperação de renda e os programas de crédito nos governos estaduais e federais. "Ainda com o aumento do mercado de exportação, que ampliou essa escala de produção", afirmou.O balanço apresentado apontou que os telefones celulares, entre os produtos, lideram na produção e faturamento. Foram 32,9 milhões de unidades produzidas neste ano, com faturamento de US$ 2,45 bilhões. Depois vieram as motocicletas com 1,1 milhão de unidades produzidas e faturamento de US$ 2,18 bilhões. Em terceiro lugar, os CDs, com 234,1 milhões de unidades produzidas e o faturamento de US$ 682,29 milhões.

Agencia Estado,

27 de dezembro de 2005 | 17h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.