Fazenda divulga tabela do IPVA 2008

Na média geral, houve uma diminuição de 1,48% no valor venal de veículos utilizados para cálculo do imposto

31 de outubro de 2007 | 12h09

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo divulgou nesta quarta-feira, 31, a tabela de valores venais de veículos utilizada para cálculo do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). A apuração de valores de mercado foi realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) e levou em consideração o preço médio dos automóveis praticados no mercado no mês de setembro de 2007. Na média geral, houve uma diminuição de 1,48% no valor venal para 2008, em decorrência do aumento da oferta de carros usados.  Veja também: Confira as datas de pagamento no site da Fazenda Confira os valores venais de cada veículo Em janeiro de 2008 também haverá desconto de 3% para pagamento do IPVA na data de vencimento do IPVA dos veículos usados. Para os veículos novos, o desconto de 3% será para quem efetuar o pagamento em parcela única até o 5° dia útil posterior à data de emissão da nota fiscal. O IPVA também pode ser parcelado, sem desconto, observando as datas de vencimento em janeiro, fevereiro e março. A exemplo de anos anteriores, não houve alteração de alíquotas. Carros a gasolina recolherão 4% sobre o valor venal. Carros a álcool e gás pagam 3%; bicombustível recolhe 4%; picape cabine dupla 4%; utilitários (cabine simples), ônibus, microônibus, tratores e motocicletas pagam 2% sobre o valor venal; caminhões recolhem 1,5%. Os veículos com mais de 20 anos de fabricação estão isentos. No mês de dezembro, cerca de 12 milhões de "Avisos de Vencimento" serão postados para os proprietários de veículos automotores terrestres registrados no Departamento Estadual de Transito (Detran) de São Paulo. Quem não receber o Aviso de Vencimento deve acessar o site da Secretaria da Fazenda para verificar as informações a respeito do pagamento do seu IPVA 2008.  O contribuinte que deixar de recolher o imposto fica sujeito à multa de mora de 20% do valor do imposto e a juros de mora com base na taxa básica de juros, a Selic (atualmente em 11,25% ao ano). Além disso, ele ficará impedido de efetivar seu licenciamento e sujeito à apreensão do veículo. A Secretaria da Fazenda prevê arrecadar cerca de R$ 7 bilhões com o IPVA em 2008. Até setembro de 2007, foram arrecadados, aproximadamente, R$ 6,1 bilhões.

Mais conteúdo sobre:
IPVA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.