carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Fazenda quer atrair investimento externo para a produção

O secretário-adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Dyogo Oliveira, afirmou que a lógica das medidas anunciadas hoje é atrair investimentos estrangeiros não especulativos para o financiamento de longo prazo de empresas de projetos produtivos.

EDUARDO RODRIGUES, ADRIANA FERNANDES E FABIO GRANER, Agencia Estado

15 de dezembro de 2010 | 18h37

Segundo Oliveira, as medidas também incluem pessoas físicas, que poderiam realizar esses investimentos diretamente ou via fundos. O impacto imediato das medidas, disse, é mínimo porque hoje praticamente não há aplicações nessa modalidade de debêntures.

O secretário também adiantou que o fundo de liquidez para títulos privados também anunciado hoje terá cerca de R$ 2 bilhões, equivalentes a 3 pontos porcentuais do compulsório sobre depósitos a prazo, com a finalidade de aumentar a liquidez do mercado secundário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.