FBI faz buscas na sede da Enron

Agentes do FBI fizeram buscas e interrogaram funcionários na sede da falida empresa de energia Enron. De acordo com um advogado da Enron, os agentes federais foram chamados pela própria empresa, depois de circularem vários informes de que documentos estariam sendo destruídos no 19º andar da sede -local onde funciona parte da divisão de contabilidade. Ontem, três ex-funcionários da Enron haviam denunciado que documentos estavam sendo destruídos no local, mesmo depois de as autoridades federais terem iniciado sua investigação sobre irregularidades na companhia.RumsfeldO Departamento da Defesa dos EUA divulgou um comuncado afirmando que o secretário Donald Rumsfeld nunca possuiu ações da falida empresa de energia Enron. De acordo com o comunicado, Rumsfeld tem investimentos num "fundo cego" e não tem conhecimento de onde o dinheiro está investido. Um informe do Centro para Integridade Pública divulgado ontem dizia que Rumsfeld teve algo entre US$ 1.000 e US$ 15.000 em ações da Enron. O estudo da entidade diz que 14 dos 100 funcionários de mais alto escalão no governo do presidente George Bush tiveram, em algum momento, ações da Enron. O Departamento da Defesa afirmou que a mulher de Rumsfeld possuía 100 ações da Enron, mas que elas foram vendidas em fevereiro do ano passado, logo depois da confirmação de Rumsfeld no cargo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.