Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Febraban: previsão de PIB 2007 vai de 4,55% para 4,73%

De acordo com a pesquisa da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), realizada nos dias 13 e 14 de setembro, as estimativas de 40 bancos apontam elevação nas projeções de expansão do Produto Interno Bruto (PIB) para 2007 de 4,55% para 4,73% e para 2008, de 4,35% para 4,40%. Em relação à taxa de juros básica (Selic), houve aumento nas projeções para o final de 2007 de 10,64% para 11,06% e para 2008, de 9,76% para 10,29%. A pesquisa Febraban aponta que as estimativas de 40 bancos consultados para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2007 subiram de 3,66% para 3,98%. Para 2008, a previsão avançou de 3,94% para 4,18%. O levantamento também mostra que o Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) para 2007 exibiu uma expressiva elevação de expectativas, passando de 3,46% para 4,51%, enquanto para 2008 as projeções subiram de 3,94% para 4,19%. CréditoA pesquisa indica que as projeções para o crescimento de operações de crédito para pessoas físicas em 2007 aumentaram de 24,15% para 24,56%, enquanto a estimativa de expansão em 2008 subiu de 22,48% para 22,83%. A pesquisa Febraban, divulgada hoje, é realizada logo após a divulgação da atas das reuniões do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC). A última ata do Copom foi divulgada na semana passada, dia 13.

RICARDO LEOPOLDO, Agencia Estado

17 de setembro de 2007 | 13h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.