seu bolso

E-Investidor: O passo a passo para montar uma reserva de emergência

FecomercioSP mostra mais famílias endividadas em março

Pelo terceiro mês seguido subiu o número de famílias paulistanas endividadas. Em março, 52% das famílias tinham dívidas, o que representou um aumento em relação aos 50,9% de fevereiro e aos 48,8% de janeiro. As informações constam na Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) divulgada nesta quinta-feira pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).

CARLA ARAÚJO, Agencia Estado

11 de abril de 2013 | 11h20

A alta no endividamento neste período do ano, destaca a entidade, era esperada por conta dos reflexos das compras de fim de ano e também em consequência ao número de impostos cobrados no início do ano. Em relação a março de 2012, o mês passado mostrou estabilidade no nível de endividamento (52,2%).

O número de famílias com dívidas em março, em números absolutos, chegou a 1,865 milhão, ante 1,826 milhão em fevereiro. Em março de 2012, esse montante era de 1,870 milhão.

De acordo com a FecomercioSP, no grupo de famílias que ganham até dez salários mínimos o porcentual de endividados é de 53,6%, enquanto nas famílias com renda maior o endividamento é de 47,3%.

Segundo a pesquisa, o principal tipo de dívida continua sendo o cartão de crédito, meio de pagamento utilizado por 72,2% das famílias analisadas. Em seguida, estão carnês (20,5%), financiamento de carro (18,6%), crédito pessoal (12,9%), financiamento de casa (8,9%) e cheque especial (4,2%).

Tudo o que sabemos sobre:
endividamentoFecomercioSPmarço

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.