Ferrugem ameaça lavouras no Triângulo Mineiro

No terceiro dia da viagem "De olho na safra", os técnicos da consultoria Agroconsult estiveram ontem nos principais pólos de produção do Triângulo Mineiro, onde visitaram propriedades rurais e se reuniram com técnicos e produtores. A reportagem da Agência Estado, que acompanha a excursão a campo, apurou que a seca de outubro e novembro obrigou os produtores de Uberlândia a semear soja e milho simultaneamente em novembro. Algumas lavouras foram concluídas apenas em janeiro, o que dificulta uma avaliação da safra nestes primeiros dias de fevereiro. De qualquer modo, as chuvas se regularizaram em dezembro e a soja cresce normalmente em Uberlândia. A expectativa de produtividade é de 45 sacas por hectare em média. Mas alguns riscos ainda ameaçam a produção, principalmente a ferrugem. Houve grande expansão do cultivo de soja em Uberlândia esse ano, a maior parte sobre áreas de pastagens. Essas lavouras inaugurais receberam corretivos de solo tardiamente, e têm potencial produtivo mais baixo. Veja mais detalhes no site agrocast.com.br .

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.