FGV: Brasil não está preparado para crescer 5%

Na melhor das hipóteses, a Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) pode chegar a 19% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro neste ano, mas para a economia brasileira atingir um crescimento sustentável de 5%, esse indicador de investimentos deveria estar em 21% do PIB, estima o Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da Fundação Getúlio Vargas (FGV)."Há sinais de que realmente os investimentos estão crescendo, mas dificilmente chegaremos aos 19% neste ano. Embora estejamos caminhando para isso, ainda não estamos preparados para crescer 5% ao ano", disse o coordenador de Análises Conjunturais do Ibre/FGV, Aloísio Campelo. Em 2007, a FBCF ficou em 17,6%.Questionado sobre se essa situação sinaliza que é preciso "frear" o ritmo do crescimento econômico do País, Campelo respondeu: "Frear não, mas talvez haja necessidade de usar uma ferramenta para adequar o crescimento ao PIB potencial, entre 4% e 4,5%, para ''calibrar'' a demanda à capacidade de expansão da oferta".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.