FGV: confiança da indústria cai 19,4% em novembro

O Índice de Confiança da Indústria (ICI), indicador da Sondagem Conjuntural da Indústria de Transformação, caiu 19,4% em novembro ante outubro, após registrar queda de 9,2% no mês passado (dado revisado), ante mês anterior, informou hoje a Fundação Getúlio Vargas (FGV).O ICI é um indicador que utiliza para cálculo uma escala que vai de zero a 200 pontos, sendo que o resultado do índice é de queda ou de elevação se a pontuação total das respostas fica abaixo ou acima de 100 pontos, respectivamente. De outubro para novembro, o indicador caiu de 104,4 pontos para 84,1 pontos, nos dados com ajuste sazonal. Esse foi o nível mais baixo do índice desde julho de 2003.A FGV atualizou os dados de queda referentes ao mês passado, quando havia divulgado uma queda de 11,7% para o ICI, na série com ajuste sazonal.Em comunicado, a FGV informou que a "a piora do ambiente de negócios, verificada em todos os quesitos que compõem o ICI, sinaliza desaceleração de atividade econômica em novembro e maior disseminação de expectativas pessimistas em relação aos próximos meses, no meio industrial."Na comparação com novembro do ano passado, o ICI registrou queda de 30,2% nos dados sem ajuste sazonal - recuo bem mais intenso do que o registrado em outubro, no mesmo tipo de comparação (-12,7%).O ICI é composto por dois indicadores. O primeiro é o Índice da Situação Atual (ISA), que caiu 22,2% em novembro após registrar queda de 7,7% em outubro na série com ajuste sazonal. O segundo componente do ICI é o Índice de Expectativas, que apresentou queda de 16,5% em novembro em comparação com o recuo de 10,9% em outubro, também na série com ajuste sazonal. Na comparação com novembro do ano passado, nos dados sem ajuste sazonal, houve quedas de 30,4% e de 30,2%, respectivamente para o índice de Situação Atual e para o indicador de Expectativas, em novembro deste ano.O levantamento para cálculo do índice foi entre os dias 3 e 26 desse mês, em uma amostra de 1.112 empresas informantes.Uso da capacidadeO Nível de Utilização de Capacidade Instalada (Nuci) da indústria, sem ajuste sazonal, alcançou patamar de 85,2% em novembro, após atingir nível de 86,3% em outubro, segundo a FGV. A instituição informou que o Nuci, sem ajuste sazonal, atingiu em novembro deste ano o menor nível desde abril de 2008 (85,1%). Ainda de acordo com a fundação, na série de dados com ajuste sazonal, o nível de uso de capacidade em novembro ficou em 84%, abaixo do Nuci de outubro nessa série (85,3%). Esse patamar de 84%, apurado para essa série em novembro, é o menor desde março de 2007, quando o Nuci atingiu 83,8%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.