Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

FGV: preços agrícolas caem 1,62% na 1ª prévia do IGP-M

Os preços no setor agropecuário ganharam força no atacado. Os preços caíram 1,62% na primeira prévia do IGP-M de julho, menos do que a queda de 3,09% na primeira prévia de junho. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 10, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

IDIANA TOMAZELLI, Agência Estado

10 de julho de 2014 | 09h30

A inflação industrial atacadista também teve aceleração, ainda que pequena, registrando queda de 0,60% na leitura divulgada hoje. Na primeira prévia do mês passado, houve redução de 0,63%.

Dentro do Índice de Preços por Atacado segundo Estágios de Processamento (IPA-EP), que permite visualizar a transmissão de preços ao longo da cadeia produtiva, os preços dos bens finais caíram 0,76% na primeira prévia de julho, em comparação com o recuo de 1,31% em igual prévia do mês anterior.

Por sua vez, os preços dos bens intermediários tiveram queda de 0,30%, após caírem 0,54% em igual tipo de comparação. Já os preços das matérias-primas brutas tiveram recuo de 1,69% na primeira prévia de julho, em comparação com a redução de 2,25% na primeira prévia do indicador de junho.

A FGV anunciou nesta quinta que a primeira prévia do IGP-M de julho caiu 0,50%, ante recuo de 0,64% na primeira prévia do mesmo índice de junho.

Tudo o que sabemos sobre:
FGVIGP-M1ª prévia@estadaconteudo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.