Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

FGV: pressões sobre a indústria dão sinais de redução

A Sondagem Conjuntural da Indústria de Transformação, do Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), mostra que as pressões sobre a produção estão diminuindo, segundo avaliação do coordenador da pesquisa, Aloisio Campelo.Embora o Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) tenha aumentado para 84,7% em fevereiro, de 84,3% em janeiro, quando se compara à alta interanual já se vê uma boa desaceleração, de acordo com o coordenador da pesquisa. Por exemplo, de fevereiro de 2007 para o mesmo mês de 2008, o Nuci teve alta de 0,8 ponto porcentual. Mas em janeiro passado sobre janeiro de 2007, o incremento havia sido de 1,9 ponto. "É sinal de que os investimentos em capacidade estão maturando", disse Campelo.Outro dado da pesquisa que sugere a descompressão da indústria é o de estoques. Aumentou para 9% (de 6% em janeiro) o porcentual de empresas que está com estoques excessivos e permaneceu em 9% o de indústrias com estoques insuficientes. "Esse equilíbrio sinaliza normalização. Mostra a chegada da capacidade produtiva e a preparação para a expansão dos meses à frente", ressaltou o economista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.