FHC questiona nova estatal

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) defendeu a adaptação da legislação brasileira à possibilidade de extração do petróleo no pré-sal, mas foi reticente quanto à criação de uma nova estatal. Fernando Henrique comentou o assunto brevemente com repórteres, depois de receber a Comenda Ordem do Ponche Verde do governo do Rio Grande do Sul. Inicialmente, ele destacou que o pré-sal é "formidável" e que "a Petrobrás continua firme", depois da flexibilização do monopólio. "Dobramos a produção e vamos seguir adiante."Na seqüência, Fernando Henrique lembrou que "o petróleo foi, é e continua sendo da União", para enfim fazer a ressalva à perspectiva de criação de uma nova estatal. "Agora, não sei se devia fazer uma outra empresa para explorar." Segundo o ex-presidente, é necessário adaptar a legislação às circunstâncias, definir como serão os leilões e pagamentos de royalties, mas "não adianta botar o carro na frente dos bois".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.