Fiat instala fábrica em Pernambuco

Entre os maiores investimentos projetados no setor automobilístico para o Nordeste, empreendimento está localizado em Goiana

Tiago Décimo, de O Estado de S. Paulo,

20 de setembro de 2013 | 21h35

Entre os maiores investimentos projetados no setor automobilístico para o Nordeste está a construção da fábrica da Fiat em Goiana, no norte pernambucano. Orçada em R$ 4 bilhões, a unidade comemorou o primeiro aniversário das obras de sua construção no último dia 17 e tem previsão de estreia no fim do ano que vem - as primeiras unidades produzidas devem chegar ao mercado em 2015. Se somados os valores de investimentos previstos nas instalações de fornecedores, o valor alcança R$ 7 bilhões.

O projeto é considerado tão estratégico para a companhia italiana que o vice-presidente mundial de produção da empresa, o brasileiro Stefan Ketter, foi transferido para o Recife, para acompanhar de perto a obra. Na prática, hoje saem de um escritório da capital pernambucana as diretrizes de produção da montadora no mundo. "A presença dele dá a dimensão da importância da obra para a empresa", diz o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Márcio Stefanni Monteiro.

O Brasil já é o maior mercado consumidor de carros Fiat no mundo - à frente até da Itália - e a nova fábrica é vista como estratégica para a manutenção da liderança no mercado nacional.

Tudo o que sabemos sobre:
forum estadao nordeste

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.