Fipe investiga maquiagem de preços

O coordenador da Pesquisa de Preços da Fipe, Heron do Carmo, disse há pouco que a equipe de pesquisadores da entidade está fazendo o levantamento de uma lista de produtos que estariam passando por uma nova onda de maquiagem de preço. Segundo ele, esta prática já foi confirmada em alguns produtos de higiene e limpeza, itens sensíveis à variação do dólar. Heron disse que em alguns desses produtos o conteúdo das embalagens foi reduzido de cerca de 150 ml para 140 ml. Heron disse que a lista destes itens provavelmente estará pronta para a próxima divulgação do IPC-Fipe, no dia 25 de setembro. A maquiagem de preço tinha sido usada por algumas empresas no ano passado e tem como objetivo repassar para o consumidor a desvalorização cambial sem que haja elevação efetiva de preço. Neste caso, o aumento de custo das empresas acaba sendo abatido pela menor quantidade do produto comprado, o que se configura numa fraude, já que o consumidor continua pagando o mesmo preço que pagaria por uma quantidade maior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.