Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Fipe prevê inflação de 0,25% pelo IPC de fevereiro

A inflação na cidade de São Paulo medida pelo IPC da Fipe deverá fechar fevereiro em 0,25%, segundo previsão do coordenador Marcio Nakane. De acordo com ele, a trajetória da inflação continua sendo de desaceleração. A taxa de 0,30% do IPC na primeira quadrissemana de fevereiro mostra o sexto recuo consecutivo desde a terceira quadrissemana de novembro de 2007, quando o IPC fechou em 0,19%.De acordo com Nakane, essa desaceleração tem como principal responsável o grupo alimentação. Outros grupos ajudaram no alívio, mas merece destaque o fato de os alimentos terem rompido, finalmente, a barreira de 1%. Esse grupo fechou a primeira quadrissemana de fevereiro em 0,28%, ante 1,04% no fechamento de janeiro, mostrando também a sexta desaceleração seguida. "É uma boa notícia, porque esse grupo promete estender por um tempo maior essa trajetória", afirmou, acrescentando que passadas as pressões decorrentes das festas de Natal e carnaval, o grupo Alimentação e como a inflação como um todo "entram em mares tranqüilos". "Não vemos pressão vindas desse grupo no curto prazo", afirmou o coordenador.A maior contribuição para a continuidade da desaceleração do grupo Alimentação, de acordo com Nakane, virá dos preços da carne, que já têm caído no atacado, em decorrência do embargo das exportações para a União Européia, que mostram recuo também no varejo. Na primeira quadrissemana de fevereiro, o subgrupo carnes mostrou deflação de 2,05%.Para o ano de 2008, o coordenador da Fipe mantém sua projeção de 4% de inflação pelo IPC. Eventuais revisões nessa projeção serão feitas mais perto da metade do ano, segundo Nakane.

FRANCISCO CARLOS DE ASSIS, Agencia Estado

12 de fevereiro de 2008 | 12h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.