Fipe reduz projeção para inflação de março

O resultado menor da inflação semanal apurada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) levou o coordenador do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), Paulo Picchetti, a reduzir pela metade sua previsão para a inflação deste mês. A perspectiva anterior era de que índice ficasse em 0,40% e a nova previsão é de 0,20%. O comportamento do grupo alimentação está por traz de todas estas revisões, segundo Picchetti. Quando aumentou sua estimativa, acreditava na continuidade da alta dos produtos alimentícios, mas hoje este conjunto de itens mostrou queda."Realmente não esperava", comentou o coordenador referindo-se à queda de 0,04% do grupo na terceira quadrissemana, uma semana após registrar alta de 0,50%. "Foi surpreendente", reforçou. Para o ano, no entanto, ele mantém a expectativa de que o IPC termine com uma taxa de 4,5%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.