Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Fipe: relação entre etanol e gasolina cai para 70,10%

A relação entre o preço médio do etanol e o valor médio da gasolina começa a ficar, na capital paulista, próxima da marca que é considerada vantajosa pelos especialistas. De acordo com levantamento realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), o nível passou para 70,10% na terceira semana de abril e ficou abaixo da marca de 71,21% verificada na segunda semana do mês.

FLAVIO LEONEL, Agencia Estado

25 de abril de 2014 | 14h00

Conforme especialistas, o uso do etanol deixa de ser vantajoso em relação à gasolina quando representa mais de 70% do valor do derivado de petróleo. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do motor ao etanol é de 70% do poder dos motores à gasolina. Na terceira semana de abril de 2013, a relação estava em 71,25%.

Em outro tipo de levantamento da Fipe, que leva em conta a metodologia do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), o valor médio do etanol apresentou importante desaceleração, com a alta passando de 1,87% para 0,12%, entre a segunda quadrissemana do mês (últimos 30 dias encerrados em 15 de abril) e a terceira leitura (últimos 30 dias encerrados em 22 de abril). A gasolina também subiu menos no mesmo período, com a variação passando de 0,82% para 0,41%.

Em entrevista, o gerente técnico de Pesquisas do IPC, Moacir Mokem Yabiku, disse que os levantamentos mais recentes da Fipe mostram que a tendência é de continuidade no processo de desaceleração de alta nos preços dos combustíveis em São Paulo. Segundo ele, não está descartada até uma queda para o etanol no fim abril. "E a gasolina poderá vir com variação mais próxima de zero", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
Fipeetanolgasolina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.