Fipe revê projeção de IPC de outubro de 0,60% para 0,80%

A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) elevou a previsão de inflação de outubro em 0,20 ponto porcentual, de uma taxa de 0,60% para 0,80%. A informação foi dada pelo coordenador-adjunto do IPC-Fipe, Juarez Rizzieri. Segundo ele, a mudança foi provocada basicamente por conta dos preços dos alimentos, que subiram 0,11 ponto porcentual, de 1,18% na primeira quadrissemana do mês para 1,29% na segunda quadrissemana, que compreende os últimos 30 dias encerrados no dia 15.A pressão dos produtos alimentícios, de acordo com Rizzieri, resulta do repasse da desvalorização cambial para os preços no varejo. O índice geral passou de 0,81% para 0,89%, e além da pressão dos alimentos, incorpora também uma alta residual das tarifas públicas, na qual o destaque foi água e esgoto (4,34%).Para o ano, Rizzieri manteve a previsão de inflação de 5,5%. Segundo ele, se for confirmada a previsão de 0,80% para outubro, o IPC-Fipe deverá apresentar uma variação de 1% nos últimos dois meses do ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.