finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Fiscais agropecuários estendem trégua até dia 23

Os fiscais federais agropecuários decidiram estender o prazo de trégua concedido ao governo até a próxima quinta-feira. Até lá, a categoria - responsável pela fiscalização das cargas agrícolas que transitam nos portos, aeroportos e fronteiras do País, trabalhará normalmente.Em nota, a Associação Nacional dos Fiscais Federais Agropecuários (Anffa) informou que há um "impasse" nas negociação com o governo para reajuste salarial da categoria.De acordo com a Anffa, a proposta de reajuste formalizada pelo governo no último dia 15 "não reflete o teor do que foi tratado nas reuniões com o secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Silas Brasileiro, e com o ministro Reinhold Stephanes".Por isso, a Comissão Nacional de Negociação decidiu não aceitar a proposta do governo, que propõe um reajuste no vencimento básico de aproximadamente 6,3% para o final de carreira e 0,5% para início. A contra-proposta apresentada pelos fiscais é de 15% ao ano até 2.010 e 100% na gratificação, também parcelado até 2010. Para a próxima terça-feira, está marcada uma reunião dos fiscais com os parlamentares da Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados e com o secretário Silas Brasileiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.