finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Fitch coloca ratings da Repsol em observação negativa

Agência de classificação de risco anunciou decisão depois de o governo da Argentina afirmar que vai expropriar a unidade local da empresa espanhola, a YPF

Danielle Chaves, da Agência Estado,

17 de abril de 2012 | 11h42

A agência de classificação de risco Fitch colocou os ratings da Repsol em observação com implicações negativas, depois de o governo da Argentina anunciar ontem que vai expropriar a unidade local da empresa espanhola, a YPF. A Repsol é classificada com BBB pela agência.

A Fitch é a primeira grande agência de risco a agir sobre a controladora da YPF. Analistas haviam alertado que a perda da subsidiária argentina teria um impacto significativo sobre as reservas e a produção de petróleo da Repsol, afetando os ratings da empresa.

Segundo a Fitch, a decisão reflete as potenciais implicações que a expropriação da YPF pode ter para a empresa, que, em parte, dependerão da compensação que a Repsol pode receber pela fatia que detém na unidade argentina. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
FitcRepsolratingYPF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.