bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Fitch rebaixa rating da dívida da WorldCom

A Fitch Ratings rebaixou o rating da dívida não garantida sênior da WorldCom Inc., de "B" para "CC" e seus títulos preferenciais de "CCC+" para "CC". Todos os ratings continuam sob observação negativa. A categoria do rating "CC" é definida como alto risco de default, com provável inadimplemento. A medida segue o anúncio feito sobre as irregularidades contábeis que resultaram na declaração de quase US$ 4 bilhões nos últimos cinco trimestres. A reavaliação do balanço resultará em uma reversão do lucro líquido divulgado para um considerável prejuízo operacional, disse a Fitch.A WorldCom que já vivencia um desafiador cenário financeiro, competitivo e operacional, agora enfrenta o que a Fitch acredita em obstáculos insuperáveis. Um volume da dívida de US$ 30 bilhões e as contínuas necessidades de financiamento colocam a WorldCom à mercê dos bancos. A Fitch acredita que a condição financeira da WorldCom, as reduções de emprego e de capital acelerarão a deterioração de sua base de clientes.Dado o volume da dívida da empresa, a incerteza sobre a obtenção de financiamento adicional dos bancos e um total de US$ 5,8 bilhões em vencimentos de dívida em 2003 e 2004, a Fitch acredita que uma reestruturação da dívida é altamente provável.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.