Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Flor símbolo da pureza emprega trabalho precário

Reportagem mostra como a Tailândia produz a flor de lótus, usada em oferendas religiosas e até como alimento

Efe,

28 de agosto de 2013 | 16h30

BANGKOK - A flor de lótus é venerada em muitos países. No oriente, é símbolo de pureza espiritual. Usada como ornamento ou alimento desde a antiguidade, a flor é um dos produtos de exportação da Tailândia.

Segundo uma lenda da Grécia antiga, o suco preparado com a flor teria a propriedade de provocar nos visitantes estrangeiros a vontade de permanecer na terra.  

O trabalho de quem planta e cultiva a flor, no entanto, não parece tão poético.

Fotos distribuídas pela agência de notícias Efe mostram o agricultor tailandês Usa Mahmueangbon, de 47 anos, recolhendo flores em uma área alagada em sua granja na localidade de Saladin, a 50 quilômetros de Bangkok.

O trabalhador e suas irmãs recolhem diariamente cerca de 1,5 mil flores de uma área alagada. Para trabalhar, eles utilizam máscaras que cobrem o rosto para evitar ataques de insetos.

Cada flor é vendida por cerca de R$ 1,50 no mercado da capital tailandesa. As flores são usadas como oferendas em templos, como decoração ou como alimento e para fazer chá.

A flor é da mesma família que a vitória-régia existente no Brasil, na região da Amazônia e no Mato Grosso.

Tudo o que sabemos sobre:
Flores

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.