Fluxo cambial de março é maior desde 1998

O Banco Central informou, nesta quarta-feira, que obteve o melhor fluxo cambial para o mês de março desde 1998, quando foram acumulados US$ 10,331 bilhões. Mês passado o saldo ficou positivo em US$ 7,993 bilhões, ante US$ 7,750 bilhões de fevereiro. No primeiro trimestre deste ano, o montante já soma US$ 17,692 bilhões - valor que quase alcança os US$ 18,819 bilhões registrados em todo o ano de 2005. Em março, o fluxo financeiro voltou a ficar positivo em US$ 2,456 bilhões ante US$ 2,815 bilhões de fluxo positivo em fevereiro. Os ingressos totais de recursos financeiros em março ficaram em US$ 17,252 bilhões ante US$ 16,813 bilhões em fevereiro. As saídas, de outro lado, somaram US$ 14,797 bilhões no mês passado ante US$ 13,998 bilhões em fevereiro. Comércio No segmento comercial, o BC registrou um fluxo positivo de US$ 5,537 bilhões em março, resultado superior aos US$ 4,935 bilhões de fevereiro. No mês passado, as contratações de câmbio para exportação ficaram em US$ 12,334 bilhões, contra US$ 10,582 bilhões em fevereiro. Pelo lado das importações, as contratações de câmbio atingiram US$ 6,797 bilhões no mês passado. Este valor é o maior desde os US$ 7,112 bilhões de novembro do ano passado. Em fevereiro, as contratações de câmbio para importações somaram US$ 5,647 bilhões.

Agencia Estado,

05 Abril 2006 | 15h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.