carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

FMI abre processo de seleção, quer escolher novo chefe até 30/06

O Fundo Monetário Internacional (FMI) disse nesta sexta-feira que aceitará indicações para substituir Dominique Strauss-Kahn como diretor-gerente a partir de segunda-feira e espera selecionar o novo chefe da instituição até 30 de junho.

REUTERS

20 de maio de 2011 | 21h47

Shakour Shaalan, representante do conselho do FMI para o Egito e vizinhos do Oriente Médio, afirmou que o processo de seleção foi amplamente aceito pelos 24 membros do conselho, o que garante que a seleção será conduzida de maneira "aberta, baseada no mérito e transparente".

Ele acrescentou que os candidatos serão compilados em uma lista pequena e que o próximo diretor-gerente será escolhido por consenso.

Os países têm de segunda-feira até 10 de junho para indicarem seus candidatos.

Strauss-Kahn renunciou ao cargo esta semana após ter sido preso sob acusação de crimes sexuais contra uma camareira de um hotel em Nova York. Ele foi libertado nesta sexta-feira após pagamento de fiança de 1 milhão de dólares.

(Reportagem de Lesley Wroughton)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROFMISELECAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.