Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

FMI ameaça suspender ajuda à Grécia

Fundo vai interromper os pagamentos caso os líderes à zona do euro não cubram o buraco de até € 4 bi no programa de resgate ao país

Stefânia Akel, da Agência Estado,

20 de junho de 2013 | 15h59

SÃO PAULO - O Fundo Monetário Internacional (FMI) está se preparando para suspender os pagamentos de ajuda à Grécia até o fim de julho se os líderes da zona do euro não cobrirem um buraco de entre 3 bilhões de euros e 4 bilhões de euro que se abriu no programa de resgate de 172 bilhões de euros da Grécia, segundo reportagem da edição online do Financial Times. O texto cita como fontes autoridades envolvidas na gestão do resgate.

O buraco emergiu após os bancos centrais da zona do euro se recusarem a participar da reestruturação da dívida grega em meio aos sinais de que até mesmo o plano reduzido de privatização da Grécia está atrasado.

Segundo o FT, as autoridades envolvidas nas conversas enfatizaram que, diferentemente de outros problemas no resgate, a culpa desta vez não é do governo grego e sim de outros países da zona do euro. Eles também culparam "pressões externas" pelos atrasos no programa de privatização.

O problema forçará os ministros da zona do euro a discutirem "fontes alternativas" de financiamento, disse uma autoridade, incluindo a possibilidade de um novo programa de resgate até o fim do ano.

Tudo o que sabemos sobre:
greciacrisefmi

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.