FMI aprova contas e espera redução dos juros este ano

O chefe da missão do FMI no Brasil, Charles Collyns, informou após a última reunião de trabalho no Ministério a Fazenda que recomendará à diretoria do Fundo a aprovação da revisão do acordo. Segundo ele, as condições da economia brasileira são bastante favoráveis e fortes. A direção do fundo irá analisar o relatório de Collyns no fim de setembro.O chefe da missão do FMI espera que o crescimento da inflação seja temporário, já que, segundo ele, o Banco Central está consciente da situação. Collyns disse que o BC está cauteloso com relação à política monetária para trazer a inflação para a trajetória das metas em pouco tempo, até o fim do ano. Ele considerou positiva a interrupção da queda de juros.Na avaliação dele, há espaço para uma redução dos juros ainda este ano, quando a inflação estiver sob controle. Collyns afirmou que os investimentos na economia já começam se recuperar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.