Yuri Gripas/Reuters
Yuri Gripas/Reuters

FMI e Banco Mundial adotarão 'formato virtual' para encontros de primavera por coronavírus

Os organismos afirmam em nota conjunta que continuam "totalmente comprometidos" com um diálogo produtivo entre seus participantes

Gabriel Bueno da Costa, O Estado de S.Paulo

03 de março de 2020 | 16h36

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, e o presidente do Banco Mundial, David Malpass, anunciaram em comunicado hoje que concordaram em implementar um plano conjunto para que os encontros de primavera das entidades ocorram em um "formato virtual". A decisão foi fruto das "crescentes preocupações de saúde" relacionadas ao coronavírus.

Os organismos afirmam em nota conjunta que continuam "totalmente comprometidos" com um diálogo produtivo entre seus participantes e que reforçarão as capacidades de conexão virtual para garantir as consultas.

"Nós também continuaremos a compartilhar as análises do FMI e do Banco Mundial", comentaram. "Com este formato adaptado, estamos confiantes de que nossos países membros serão capazes de se envolver de modo eficaz em questões prementes da economia global nessas reuniões de primavera", dizem as autoridades.

"As inscrições para todas as categorias de participantes (delegados, observadores, convidados e imprensa) foram suspensas e todas as confirmações antes enviadas serão cancelas", diz o comunicado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.