FMI espera Lavagna e não manda equipe à Argentina

O Fundo Monetário Internacional não tomará nenhuma decisão sobre o envio de uma missão a Buenos Aires antes das conversas que o ministro da Economia, Roberto Lavagna, terá no final da próxima semana em Washington com o diretor-gerente, Horst Koehler, e com o diretor do Departamento do Hemisfério Ocidental, Anoop Singh, durante a reunião anual da instituição. Informações em contrário divulgadas durante o fim de semana em Buenos Aires estão erradas, esclareceu fonte do FMI. A fonte esclareceu que não há razão para o Fundo enviar uma equipe a Buenos Aires, quando Lavagna e sua equipe estão prestes para embarcar para Washington.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.