Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

FMI: não é a hora de retirar os estímulos econômicos

O diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, disse nesta sexta-feira que ainda não é o momento de retirar os estímulos econômicos do governo, devido ao elevado desemprego e ao setor financeiro ainda abatido.

REUTERS

02 de outubro de 2009 | 07h35

Dominque Strauss-Kahn afirmou, durante a reunião anual do FMI, que retirar os estímulos rápido demais prejudicaria a recuperação global.

"Claro que temos que pensar nisso, temos que preparar a estratégia de retirada, mas não é o momento de implementá-la. Se alguém... implementar a estratégia de saída cedo demais, essa situação pode abater a recuperação."

(Por David Lawder)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROFMIRETIRADA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.