Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

FMI prorroga dívida de US$ 1 bilhão da Argentina

O Fundo Monetário Internacional aprovou hoje a prorrogação do pagamento de US$ 1 bilhão que o governo argentino deveria pagar ate o final de dezembro próximo ao organismo. O presidente Nestor Kirchner recebeu a confirmação da diretoria do FMI por volta das 11h30h desta sexta-feira.A decisão foi tomada depois de várias quedas de braços com o governo argentino e críticas de ambos lados em relação a negociação do ministro de Economia, Roberto Lavagna, com os credores da dívida não paga . O presidente confirmou que pagará ao FMI outra parcela da dívida de US$ 1,4 bilhão que vence até o final do ano.

Agencia Estado,

17 de setembro de 2004 | 13h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.