Força Sindical protesta em SP por salário mínimo e IR

A Força Sindical avisa que fará um protesto nesta terça-feira, 11, antes de reunião que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, terá com empresários na capital paulista. A ideia é cobrar a permanência da política do salário mínimo e a correção da tabela do Imposto de Renda. O protesto está marcado para as 11h30, em frente ao prédio do Banco do Brasil em São Paulo, onde será a realizada a reunião do ministro com os "peso-pesados" da economia nacional.

AYR ALISKI, Agencia Estado

10 de março de 2014 | 14h00

Nota sobre o protesto de amanhã cita que "a Central quer aproveitar o banquete que o governo está oferecendo aos peso-pesados do PIB nacional e cobrar a manutenção da política de valorização do salário mínimo e a correção da tabela do Imposto de Renda".

"Vamos protestar para mostrar ao ministro que os trabalhadores querem a manutenção da política do salário mínimo, que beneficia toda a sociedade", afirma o presidente da Força Sindical, Miguel Torres. "Vamos também intensificar a luta pela correção da tabela do IR", menciona.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosSPForça Sindical

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.