Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Ford anuncia reajuste de 1,5% no preço dos carros

Mais uma montadora, a Ford, anuncia aumento de preços. Os carros da marca ficarão 1,5% mais caros, em média, a partir de segunda-feira. Na primeira semana de janeiro Fiat, General Motors e Volkswagen já haviam promovido aumentos de até 1,75%. Neste semana, outras empresas também alteraram tabelas.A Ford alega necessidade de repasse de custos para esse primeiro aumento do ano. Modelos de mais saída, como o EcoSport, terão aumento de 1,6%. O novo Fiesta ficará 1,5% mais caro, informou a montadora hoje. Em 2005, os preços dos carros novos subiram em média 10%. A Ford informou ainda que a promoção denominada "Acredite se quiser", em que o carro pode ser adquirido com entrada de R$ 1 mil e a primeira prestação em três meses, será mantida até o fim de janeiro. Hoje à noite a montadora lança novo filme da campanha publicitária, dessa vez utilizando anões como garotos-propaganda. Filmes anteriores utilizaram figuras do folclore, como saci e sereia. Produção de veículos bate recordeA produção de veículos em dezembro de 2005 alcançou 200.332 unidades e foi 6% menor do que em novembro, segundo dados divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). Em relação à produção de dezembro de 2004, houve um crescimento de 6%. A queda em relação a novembro já era esperada e se deve principalmente ao início das férias coletivas nas fábricas, segundo a entidade. A produção de veículos no ano passado foi de 2,447 milhões de unidades, 10,7% maior do que em 2004. Trata-se de um recorde histórico, que superou o recorde anterior, batido em 2004.

Agencia Estado,

12 de janeiro de 2006 | 17h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.