Ford Caminhões abrirá 2º turno na fábrica do ABC

A Ford anunciou hoje que abrirá um segundo turno de trabalho na produção de caminhões, na fábrica em São Bernardo do Campo (no ABC paulista), a partir de janeiro de 2009. A mudança ampliará em 46% o volume de produção da unidade e em 50% a força de trabalho. Em nota, a empresa explica que a decisão visa atender o crescimento do mercado brasileiro. A mudança exigirá investimentos de R$ 36 milhões, adicionais aos R$ 300 milhões já anunciados no final do ano passado.De acordo com o presidente da Ford Brasil e Mercosul, Marcos de Oliveira, o investimento mostra a confiança da empresa no crescimento sustentável do mercado sul-americano e, particularmente no Brasil.Segundo o executivo, o atual cenário é reflexo da estabilidade econômica e de outras condições positivas, como a queda nas taxas de juros, a maior oferta de crédito por parte do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) e a nova política industrial, além de outras medidas de incentivo ao mercado interno adotadas pelo governo federal.Oliveira destaca que em 2007 a indústria de caminhões registrou o melhor ano da história e este ano caminha para bater um novo recorde. "Mais do que acompanhar a evolução do mercado, estamos nos preparando para antecipar as necessidades dos clientes, tanto em termos de volume como de tecnologia e de diversificação dos produtos", acrescenta.A ampliação da produção inclui a contratação de aproximadamente 400 novos empregados. Quando o novo turno entrar em operação, a fábrica passará a contar com cerca de 1.300 empregados envolvidos diretamente na produção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.